Skip to main content

Projeto Caminhada Saudável visita idosos do asilo

A professora Franciele Leite, revela que no último final de semana participantes do projeto Caminhada Saudável visitaram asilo São Vicente de Paulo, oportunidade em que levaram alegria, descontração e entusiasmo para os 90 internos.

Franciele Leite, que também é coordenadora do projeto social, revela que além de promover atividades físicas com os participantes, o Caminhada Saudável também tem o seu lado social, que é o de visitar entidades que precisam do apoio da sociedade como, por exemplo, o asilo São Vicente de Paulo.

Idosas receberam o carinho dos participantes do projeto Caminhada Saudável.

Promovemos no asilo a integração social no convívio institucional entre idosas sedentárias e idosas ativas com pratica regular da atividade física através do programa. Foram momentos de muita alegria e descontração, com a realização de trabalhos manuais, diz.

Franciele afirma que outras atividades como pinturas, recreação e lanche fizeram parte da visita.

A monitora Lucélia Borges acadêmica do curso de Fisioterapia da Funorte – Faculdades Unidas do Norte de Minas, da equipe de apoio do projeto Caminhada Saudável, revela ser satisfatório ver o sorriso no rosto dos idosos. Entende que este tipo de visita deve acontecer sempre.

É um privilegio ganhar um abraço, aperto de mão e ouvi-los pedindo para retornarmos mais vezes. É isso que nos dá forças para acreditarmos cada vez mais na nossa profissão, no diferencial que podemos fazer na vida de uma pessoa, afirma a universitária Lucélia Borges.

IDEALIZADA

Idealizada pelo deputado Ruy Muniz – DEM, ao longo do ano de 2007 o projeto Caminhada Saudável tem o objetivo de proporcionar uma melhor qualidade de vida possibilitando promoção da saúde, lazer e socialização. De acordo com Franciele Leite, são várias as pessoas que necessitam de apoio, atenção e carinho, e este projeto social tem contribuído de forma significativa para a socialização e o companheirismo em inúmeras comunidades.

Franciele Leite destaca a importância deste projeto ao afirmar que caminhar propicia o bem-estar físico e emocional, estimula a circulação sanguínea e facilita o transporte de oxigênio, reduz e muito o risco de doenças cardíacas, Diabetes, Osteoporose, baixa a taxa de colesterol (ruim), baixa a pressão sangüínea e combate à depressão e o estresse, entre muitos outros benefícios.

Fonte: Jornal O Norte