Skip to main content

Asilo comemora dia do idoso na reta final da campanha das fraldas

No próximo domingo, a Catedral Metropolitana Nossa Senhora Aparecida entrega oficialmente ao Asilo São Vicente de Paulo (Lar Betânia) as fraldas geriátricas arrecadadas durante campanha iniciada há duas semanas. Já foram coletadas 1.024 unidades. Os interessados em participar, portanto, ainda podem fazer suas doações. Eles devem se dirigir à Secretaria Paroquial, que funciona provisoriamente na Praça Pio XII, centro de Montes Claros, até sexta-feira, das 8h às 11h30min e das 14h às 18h, e no sábado, das 8h às 12h. Outras informações pelo telefone (38) 3221-5028 ou no endereço eletrônico www.catedralmoc.org.br.

O pároco, Padre Dorival Souza Barreto Júnior, conduzirá dezenas de agentes de pastoral em visita ao Asilo, que fica na rua Otávio Silveira, s/nº, bairro Mangues, uma das várias casas de amparo à terceira idade que a instituição mantém em todo o Brasil. O objetivo é cumprir programação mensal de despertar nos leigos engajados na paróquia as dimensões comunitária, servidora e missionária da caminhada de Igreja. A ação ocorrerá na parte da tarde, com saída prevista para as 13h30, na Praça Pio XII.

Além de conscientizar os fiéis de que o compromisso de levar o Evangelho aos diversos ambientes não depende somente do bispo ou do padre, mas suscita uma co-responsabilidade que deve ser assumida por cada um em particular, Padre Dorival Barreto ressalta a importância do gesto concreto de ajudar o Asilo São Vicente de Paulo, que enfrenta grandes dificuldades financeiras, a suprir satisfatoriamente a demanda de fraldas geriátricas, apontada pelo atual gestor administrativo do Asilo, o contabilista Edmilson Magalhães, de 50 anos, como a maior necessidade do local hoje.

Segundo ele, 39 dos 91 idosos acolhidos no Lar Betânia – homens e mulheres de 60 a 104 anos – usam o produto, o que resulta num consumo total diário de 120 a 150 fraldas geriátricas, se trocadas de quatro a cinco vezes por dia. São os acamados e cadeirantes, mas Edmilson Magalhães acrescenta que outros idosos, sobretudo os que adoecem, às vezes também precisam do material.

As despesas do Asilo São Vicente de Paulo, no entanto, transcendem e muito as fraldas geriátricas. Vão desde compra de medicamentos e alimentação até pagamento dos 51 funcionários que ali trabalham. Tudo isso contabilizado resulta em R$ 66 mil mensais. Para cobrir os custos, sempre conforme Edmilson Magalhães, o Lar Betânia recebe R$ 5.307 do Governo Federal, via Ministério de Desenvolvimento Social e Combate à Fome. O restante dos gastos é suprido com doações da comunidade, aí incluídos órgãos como Ministério Público e o Juizado Especial de Pequenas Causas, que adotam penas alternativas a favor do Asilo, aposentadoria de 70% dos idosos atendidos e muita criatividade. Um exemplo é o Telemarketing (3221-3070), que contata as pessoas e solicita ajuda. Somente daí provém quase R$ 20 mil a cada 30 dias.

Vinte e sete de setembro será festivo para o Asilo São Vicente de Paulo. Além da visita dos agentes de pastoral da Catedral Metropolitana, o Lar Betânia terá programação especial alusiva ao Dia de São Vicente de Paulo, Dia Nacional do Vicentino e Dia do Idoso. As atividades começarão às 14 horas, com Missa seguida de levantamento do mastro e bênção das instalações de novo pavilhão – o 5º construído em terreno doado, de extensão de 80 mil metros quadrados – um complexo de 12 quartos com banheiro, refeitório e área externa. O bloco terá capacidade para receber mais 36 pessoas da 3ª idade, no máximo três em cada quarto. Além disso, haverá apresentações culturais do Grupo Fantoche e provavelmente do Grupo de Seresta e Violeiros. O telefone do Asilo é (38) 3214-1244.

Fonte: Jornal O Norte