Skip to main content

Asilo pede ajuda da comunidade para construir muro da instituição

O Asilo São Vicente de Paulo – Lar Betânia – com mais de 105 anos de existência, atualmente atendendo 97 idosos, começa uma nova etapa de sua história para melhorar, ainda mais, o atendimento e a segurança de seus asilados assistidos.

O Asilo São Vicente de Paulo – Lar Betânia – com mais de 105 anos de existência, atualmente atendendo 97 idosos

O Asilo São Vicente de Paulo – Lar Betânia – com mais de 105 anos de existência, atualmente atendendo 97 idosos

Referência no Estado, em gestão e qualidade de atendimento ao idoso, o Lar Betânia, desenvolve, agora, o projeto da construção do muro que cerca toda a área institucional.

Segundo o Gestor Administrativo e Financeiro, Edmilson Magalhães, o muro terá 1.260 m², com 2,60 metros de altura e será todo edificado em bloco 0,15, com pilares em espaço de 2,5 metros de um para o outro e com cinta superior a 0,30 centímetros; além de ser tijolo a vista e todo frisado.

O custo previsto da obra é da ordem de R$ 112.500,00, e foi contratada a empresa SWS Construtora pelo menor preço apresentado, levando em consideração também, as especificações técnicas.

Início da Obra

Ainda de acordo com Edmilson Magalhães, o início da obra está previsto para o dia 20 deste mês e o prazo para conclusão é de 120 dias. “Para o sinal de entrada, o Asilo receberá uma importância da Cervantes – distribuidora de refrigerantes, da Skol, Brahma e outros produtos, depois de uma campanha realizada no mês de setembro com esta finalidade.

Edmilson Magalhães - Gestor Administrativo e Financeiro do Lar Betânia

Edmilson Magalhães - Gestor Administrativo e Financeiro do Lar Betânia

“Será realizada neste sábado, a partir das 15 horas, aqui no asilo com a presença da diretoria e de funcionários da Cervantes, uma tarde cultural com os idosos. Na oportunidade será repassada a empresa o valor doado para o início da construção do muro. Aproveito para convidar a comunidade para estar conosco neste grande momento, já que a construção do muro sempre foi um grande sonho das diretorias que por aqui passaram. O muro passa, agora, de sonho a realidade na atual gestão administrativa do Lar Betânia, na pessoa de seu presidente Joaquim Cândido”, frisou Magalhães.

Parcerias na empreitada

O Gestor Administrativo e financeiro ressalta que o trabalho a ser viabilizado, será possível após uma gestão responsável e objetiva com a finalidade de sanar as dívidas que atormentavam diretorias passadas. Ele destacou que a construção do muro é uma obra que trará mais segurança e tranqüilidade tanto aos idosos, quanto funcionários e visitantes.

“Esta árdua tarefa começou ainda na gestão da senhora Eva Santiago, que muito contribui com o Asilo. Após sanar as dívidas da instituição, comprar e equipar o consultório odontológico, construir área de lazer e realizar uma reestruturação física para dar mais conforto e qualidade de vida aos nossos 97 idosos e, claro, contar com a graça de Deus, ajuda da comunidade, do poder judiciário, imprensa, empresários, colaboradores e doares do telemarketing e, por determinação da diretoria na pessoa do presidente, Joaquim Cândido, será edificado o muro que proporcionará maior segurança aos nossos idosos, funcionários e visitantes. O Asilo esta localizado numa área de vulnerabilidade em relação a bandidos, ataques de cachorros vadios e da ação de animais selvagens”, destacou o gestor administrativo.

Ajuda

Sempre que acionada pelo asilo, a Polícia Militar, presta seus relevantes socorros protegendo a instituição, cercada apenas com arame da ação dos agressores e vândalos. “Por isso, mais uma vez, o Asilo precisa e pede ajuda à comunidade. Com apoio e colaboração de todos será edificado o muro que traduzirá em benefício de grande valia e responsabilidade social em favor da vida em sua fase mais complexa. Que Deus abençoe a todos”, finalizou Edmilson Magalhães.

Fonte: Blog Contato Online